Prémio Grémio Literário 2008

Prémio Grémio Literário 2008

Atribuído na sessão comemorativa do 163º aniversário do Grémio Literário

Maria Manuel Lisboa
Uma Mãe Desconhecida, Amor e Perdição em Eça de Queiroz
(Imprensa Nacional-Casa da Moeda, Lisboa 2008)>

Pela originalidade da abordagem de temas recorrentes na obra romanesca de Eça de Queiroz.

O Prémio Grémio Literário é constituído por uma escultura em bronze policromado da autoria de José de Guimarães.

Menções Honrosas

António Manuel Monteiro Cardoso e António D’Oliveira Pinto da França
Correspondência Luso-Brasileira 1807-1823
(Imprensa Nacional-Casa da Moeda, Lisboa 2008)

Pelo interesse histórico-social de uma correspondência familiar inédita que contribuiu para definir situações vividas em dois períodos de crise nacional.

Vasco Graça Moura
O Pequeno-Almoço do Sargento Beauchamp
(Alêtheia Editores, Lisboa 2008)

Pela qualidade novelesca, traduzida de um modo literariamente minimalista, num contexto histórico assumido com humor dramático.

Ernesto Rodrigues
Camilo Castelo Branco – Poesia
A Corte Luso-Brasileira no Jornalismo Português (1807-1821)
“O Século” de Lopes de Mendonça: O Primeiro Jornal Socialista

(Edição do Autor, Lisboa 2008)

Pelo interesse cultural de três valiosas selecções de carácter literário, ideológico e histórico no quadro do romantismo português.

Ana Margarida Dinis Vieira
As Vertentes do Olhar na Ficção Queirosiana
(Edições Nova Vega, Lisboa 2008)

Pela solidez da análise académica de uma estrutura narrativa múltipla da obra de Eça de Queiroz.

Ver prémio de outros anos